Administrar uma empresa é uma tarefa que exige muito da gestão. Não é incomum que os gestores acabem se ocupando demais em cuidar da produção ou das metas financeiras e se esqueçam de uma parte muito importante: a legislação contábil.

Esse assunto pode acabar ficando em segundo plano e ser lembrando em dois momentos: primeiro, ao abrir um negócio e segundo, quando houver necessidade por causa da fiscalização, ou seja, tarde demais.

Por isso, neste texto, vamos explicar um pouco por que conhecer a legislação contábil é importante. Boa leitura!

Possibilita uma gestão mais eficiente

Definitivamente, a organização é um dos fatores principais para uma boa gestão. Contudo, sem entender os aspectos tributários e legislativos da empresa, fica muito mais difícil conseguir que as outras atividades da empresa fluam. Questões como obrigações, impostos, declarações, documentos fiscais, entre outras devem ser averiguadas constantemente em uma rotina empresarial.

Se a companhia não conhece quais são os documentos fiscais necessários, por exemplo, como poderá empregar o regime tributário adequado para o negócio? Desse modo, terá problemas na hora de separar as finanças.

É pelo serviço do contador, alguém que tem um conhecimento grande sobre esse assunto, que a gestão será capaz de programar pagamentos e melhorar o seu planejamento financeiro e tributário.

Não há prejuízos financeiros

Sem o conhecimento correto dos princípios da contabilidade, principalmente a legislação, a empresa pode perder boas oportunidades financeiras. Por exemplo, no caso da elaboração dos demonstrativos contábeis, sem esses documentos é difícil renovar ou conseguir crédito nos bancos.

Outra questão é na hora de ter informações financeiras para avaliações por parte de instituições, no caso de precisar vender as ações da empresa ou mesmo para a abertura na bolsa. Serão necessários certos dados que só a contabilidade pode fornecer.

Evita multas e penalidades

A fim de manter o seu funcionamento, uma empresa precisa que sua documentação esteja em dia. Mais do que isso, é necessário ter os registros de suas operações, transações e todas as suas ações financeiras. Essas tarefas são de responsabilidade da contabilidade.

Sem esse cuidado, ela tem grandes chances de sofrer penalidades por meio do Fisco, justamente por ter problemas nos registros ou apresentar informações desencontradas. Por exemplo, os dados mostrados nos tributos podem estar incorretos afetando a apuração ou, ainda, não ser possível comprovar os pagamentos. Nesse caso, a companhia estará sujeita a problemas, enfrentando não só multas, como a possibilidade de ser fechada.

Ao longo deste texto, percebemos como o conhecimento da legislação contábil é fundamental para que a empresa funcione e permaneça no mercado. Porém, é preciso destacar que, apesar de ser necessário que a gerência conheça esses princípios, ter a ajuda de um profissional especializado se faz necessária.

Afinal, ele terá não só o conhecimento das questões contábeis, como também experiência para desenvolver estratégias financeiras e fiscais, auxiliando o negócio a obter melhores resultados.

E aí? Este texto sobre a legislação contábil foi útil para você? Quer continuar aprendendo mais sobre contabilidade? Então, não deixe de assinar a nossa newsletter!