5 erros comuns ao declarar o Imposto de Renda 2022

5 erros comuns ao declarar o Imposto de Renda 2022

Facebook
Twitter
LinkedIn

Manter a calma e atenção no momento do preenchimento, são as principais formas de evitar erros comuns na hora de declarar seu Imposto de Renda para 2022.

Se você ainda não realizou sua declaração de IRPF, corre que ainda dá tempo, pois o prazo permanece em aberto até o dia 31 de maio. Entretanto, fique atento para não cometer nenhum erro na hora do registro. Grande parte dos problemas que levam o contribuinte a cair na malha fina, envolvem a falta de atenção. 

Irregularidade no documento é uma ótima receita para que o Leão investigue seu caso mais a fundo, causando assim atrasos de restituição e até mesmo multas para o declarante. Por isso, é preciso analisar e verificar bem os dados preenchidos antes de enviar os informes. 

Uma boa opção é recorrer a um contador ou especialista da área para realizar o registro. Em 2022, o prazo para entrega do Imposto de Renda é até o dia 31 de maio. Por volta de 34 milhões de brasileiros devem declarar o IRPF neste ano. Confira abaixo, quais são os erros mais comuns que ocorrem na declaração do IR. 

5 erros comuns e como evitá-los

É de suma importância que os contribuintes prestem atenção em todas as informações transcritas e façam uma revisão antes de enviar o informe, pois a Receita Federal cruza dados repassados com diversas fontes verificando a veracidade deles. 

Por este motivo, a HT Contábil juntou 5 erros mais comuns na declaração do IR e dicas para como evitar:

Erros de digitação são comuns na Declaração do Imposto de Renda

Um erro simples pode gerar uma imensa dor de cabeça. Ao preencher a declaração, preste bastante atenção para não errar, por exemplo, colocando zeros. O programa da Receita possui um alerta para quando a somatória dos bens ultrapassam o valor de R$ 5 milhões, para justamente confirmar se houve um possível erro. 

Fique atento pois a Receita Federal cruza todas as informações. Se você declarou uma despesa médica de R$ 10.000,00 quando na verdade a despesa só custou R$ 1.000,00, o valor não vai bater com o declarado e você acabará indo parar na malha fina. 

Omissão de rendimentos

Esse tipo de problema pode acontecer com aluguel, por exemplo, quando um proprietário de um ou mais imóveis esquece de declarar os devidos rendimentos recebidos. Paralelamente, o inquilino declara que pagou o aluguel, e, mais uma vez, a Receita Federal cruza os dados e nota a inconsistência. Declaração de rendimento em ficha errada.

Sempre verifique se o rendimento está dentro da classificação correta, pois elas se dividem em três grupos: tributáveis (como salário, aluguel, etc.), tributação exclusiva (como juros sobre capital próprio), e não tributáveis (rendimento de poupança, herança, etc.)

Se informado o valor do rendimento na classificação errada e isso gerar inconsistência, a pessoa corre o risco de pagar multa ou juros. 

Inserir incorretamente seus dependentes

Uma das grandes pegadinhas da receita é que somente um responsável pode incluir o dependente. Se o seu cônjuge já inseriu o filho/dependente em sua declaração, então você não pode repetir. Outro detalhe é, se for incluir seus pais como dependentes, tenha em mente de que a renda anual deles não pode ultrapassar R$ 22.847,76.

Informar despesas sem os devidos comprovantes

Na declaração do IRPF, deve ser informado o valor exato de exames, consultas ou planos de saúde. Todos os itens devem possuir comprovantes informando os valores exatos das despesas. Reembolsos também devem ser descritos, porém remédios não entram no informe. 

Crescer Negócios Com Análise De Mercado - HT Contábil Inteligência Digital

Ficou alguma dúvida?

Nossos contadores podem te ajudar!

Gostou? Compartilhe!

Facebook
Twitter
LinkedIn

Outros artigos que podem te interessar

Inscricao Newsletter - HT Contábil Inteligência Digital

NEWSLETTER

Um espaço de empreendedores e network. Toda segunda com exclusividade em seu e-mail. Participe também!

    “A única maneira de fazer um excelente
    trabalho, é amar o que você faz”

    - Steve Jobs